Nosso Blog
O papel da tecnologia para o desenvolvimento dos atletas

O papel da tecnologia para o desenvolvimento dos atletas

De quatro em quatro anos, os Jogos Olímpicos movimentam todo o mundo em torno da expectativa de ver os principais atletas nas mais diversas modalidades. Uma grande festa em favor da celebração do esporte e da união dos povos. No entanto, o que muitos não têm o conhecimento é sobre o quanto a tecnologia cumpre papel fundamental para os atletas alcançarem resultados ainda melhores.

Independentemente da modalidade disputada, o emprego dos recursos tecnológicos é capaz de aprimorar o rendimento. Um exemplo é o emprego de softwares que realizam a análise de dados, desde os treinamentos e também nas competições, oferecendo um mapa completo dos erros e acertos.

Um investimento integrado em favor dos atletas e esportes

As Olimpíadas tem participação histórica no desenvolvimento dos esportes, principalmente na atração de investimentos, em todos os sentidos e áreas. O início de tudo estava em avaliar e monitorar todos os dias o atleta, a fim de melhora-lo. A partir da popularização dos esportes, uma vez que os Jogos também funcionam como uma vitrine, eles passaram a ter o apoio de grandes estruturas, humana e tecnológica.

O abraço de toda uma equipe integrada em fazer um atleta mais competitivo passa pela preparação física mais específica e acompanhada, bem como em garantir que todas as regras sejam cumpridas com correção. Além disso, deve-se destacar a tecnologia que é empregada nos equipamentos, para garantir melhor precisão. Portanto, sensores, vestimentas, tênis, bolas, raquetes e etc., são desenvolvidas para somar qualitativamente ao processo.

Desenvolvimento de excelência nos treinamentos

O esporte evolui na medida em que a tecnologia também evolui, e o primeiro depende estritamente do segundo. Não haveria como acontecer Jogos Olímpicos da maneira como são hoje se as ferramentas modernas não estivessem disponíveis para auxiliar aos atletas, a competição e a experiência do espectador. A visibilidade seria muito limitada.

Embora haja um esforço de marketing sem precedentes, foi o avanço tecnológico que possibilitou que a paixão pelos esportes fosse compartilhada por todo o mundo.

Para acompanhar nos estádios e ginásios as competições, ou mesmo pela televisão, há de se considerar o quanto a tecnologia em favor dos atletas influencia a medicina e as políticas, por exemplo. Profissionais ou amadores, os esportistas contam não somente com materiais esportivos de excelência, mas centros de pesquisas e testes altamente capacitados. Lá são estudadas e desenvolvidas estratégias que aumentam o desempenho e a segurança na prática do esporte.

O desenvolvimento médico e nutricional dos atletas

A tecnologia propiciou à medicina esportiva um aprimoramento dos conhecimentos médicos, levando a criar uma “nova fisiologia”. Na verdade, o que se quer dizer é que os avanços tecnológicos ajudaram aos médicos a conhecerem muito mais detalhada e qualitativamente o corpo do atleta, sobretudo o em seu movimento. A chave desta descoberta mudou o tipo de treinamento e de alimentação, como também corrigiu os movimentos, e diversos outros fatores.

Uma das principais provas dessa aliança entre a medicina e a tecnologia em favor dos atletas está quando se olha para o coração dos atletas olímpicos, por exemplo. Ao se analisar os dados dos velocistas na década de 60 e comparar com os atuais, percebe-se que eles são muito diferentes. O aumento da intensidade e do volume dos treinamentos junto com a assistência médica faz com que mesmo assim o coração funcione em batimentos compassados e saudáveis.

A nutrição esportiva é outra área que teve avanços positivos com os avanços da tecnologia, levando a desempenhos ainda melhores nas competições e nas Olimpíadas também. Isso porque agora é possível criar dietas que sejam estruturadas e dirigidas para cada uma das modalidades. Para aqueles que precisam de explosões de força, alimentos que tragam energia e resistência são priorizados, ou seja, para cada esporte o atendimento das suas necessidades.

Longa resistência, rápida explosão de velocidade, variações de distância e da força, para cada característica de esporte uma estrutura médica a ser adotada e orientada. Assim é possível prevenir e tratar doenças e potencializar características fundamentais de desempenho. Ganham também todas as pessoas, pois tudo o que é desenvolvido para os atletas também chegam a população, conquistas para uma vida com muito mais qualidade.

O apoio dos suportes artificiais

Em uma Olimpíada uma fração de segundo pode ser fundamental para definir a glória da vitória ou o amargo sabor da derrota. Logo, pode-se concluir que a margem dessa definição é muito fina, que o treinamento e o desempenho são dois fatores essenciais para as conquistas. No entanto, a tecnologia que é empregada nos equipamentos dos atletas pode representar os centésimos que faltavam.

O nadador pode usar uniformes, dentro dos limites das regras estabelecidas, que sejam minimamente resistentes à água, como também usar calçados de última geração. Os grandes eventos esportivos, como os Jogos Olímpicos, são vitrines para a apresentação do desenvolvimento tecnológico dos suportes artificiais. Diversas marcas estão interessadas em fazer com que o desempenho seja ainda mais positivo e, consequentemente, poder vender mais.

Os resultados dos atletas são compartilhados com toda a sua enorme equipe de apoio, bem como os patrocinadores que disponibilizaram os recursos e equipamentos. Se diferenciar dos demais é um movimento constante, que deve apresentar curva ascendente sempre. Todos os indivíduos conseguem se adaptar às inovações aos poucos, bem como assim foi nos esportes.

A tecnologia em favor dos atletas

A tecnologia também é a base da AtletasNow, a maior plataforma digital esportiva do Brasil. Faça o cadastro em nossa plataforma e abra um mundo de oportunidades para a sua carreira através dos recursos digitais.

[]